sexta-feira, 21 de março de 2008

Peroba nele!

É muito cara-de-pau esse cidadão que brinca de ser prefeito do Rio de Janeiro. A desfaçatez dele não tem limite. E ainda teve coragem de dizer isto que o Terra publicou hoje.

Rio: Cesar Maia diz que não há epidemia de dengue

O prefeito do Rio de Janeiro, Cesar Maia, afirmou hoje que não há uma epidemia de dengue na cidade. Mas, reconheceu que a situação é grave no bairro de Jacarepaguá, na zona oeste da cidade.

"Houve uma contração em Jacarepaguá. Com os exames de fins de janeiro e fevereiro chegando, poderemos confirmar que sim, em Jacarepaguá".

Na última quinta-feira, o secretário de Saúde do Rio, Sérgio Cortes, disse que o Estado vive uma epidemia de dengue.

Maia afirmou que o aumento dos casos de dengue no começo deste ano no município é decorrente das mudanças no regime de chuvas durante o verão, que prejudicaram as ações de combate ao mosquito transmissor da doença.

"As mudanças no regime de chuvas neste verão dificultaram a ação dos governos e das pessoas", disse.

Segundo ele, apesar do alto número de mortes causadas pela dengue até agora (oficialmente 30 mortos), neste mês nenhum óbito foi registrado nos hospitais do município.

"O ponto mais grave continua sendo a letalidade, que em março, nos hospitais municipais, está quase zerada".

Cesar Maia disse ainda que, como medida para combater o aumento de casos da doença, há 15 dias ele implementou um gabinete de crise, por meio de decreto.

Ele acrescentou que os integrantes desse gabinete participarão da reunião do gabinete de crise criado pelo Ministério da Saúde. O encontro está previsto para ocorrer segunda-feira, no Rio.


Peraí... parem tudo... não há uma epidemia de dengue no Rio?

Então O Globo mentiu ao publicar que há 45 casos da doença por hora, o que equivale a 1.080 por dia, inenarráveis 7.560 por semana?!?!?!?!

E agora pedem pra, em pleno verão, vestir as crianças com moletons e meias até quase os joelhos?

Haja cara-de-pau deste ser que veio de Catolé do Rocha (coitados, os paraibanos não têm culpa de ter este boçal como conterrâneo) pra brincar de ser político no Rio de Janeiro, levar os habitantes do município na conversa, ficar 10 anos no poder e sucatear a cidade inteira como só ele tem sabido fazer.

Não adianta deixar "legados" como os aparelhos do Pan - que aliás já repassou, todos, pra quem quisesse, fazer a faraônica Cidade do Samba e superfaturar obras como a da malfadada Cidade da Música. O Rio está emporcalhado, afundado na lama e transbordando de vergonha em ver o que o prefeito tem feito. Agora, sob o pretexto eleitoreiro, ele e a trupe dos Democratas (que como todo mundo sabe, é o partido ex-UDN, ex-Arena, ex-PDS, ex-PFL, ex-qualquer merda) agora posam de "empreendedores" no Rio de Janeiro.

O carioca tem que ser inteligente e dizer NÃO a esta turma nas eleições de outubro!

5 comentários:

Anônimo disse...

Eu votei na Jandira, tenho minha conciência tranquila.

Vik disse...

Eu votei nele, e dai?

Anônimo disse...

O napoleão da guanabara surpreende, quando vc pensa que o cara não pode ser (desculpe o termo, mas não há outro) mais escroto ele vai lá e se supera, num país sério ele já tinha sido impichado a muito tempo, e estaria perigando de ir para o xilindró, mas aqui é braZil, por isso que ele fala essas atrocidades todas, sabe que não vai acontecer nada.

e para completar acabo de ler que o crivella tá na frente nas pesquisas, carioca pelo visto ainda não aprendeu a votar.


Filipe W

granito disse...

Pobre povo do Rio , Deus ajude vcs pq esse Cezar Maia , como diria o comentarista Neto da Band " é brincaderrrrrrra..."

Vitão disse...

Já tem uma reflexão no meu blog falando disso...